Sabado, 04 de março

Feliz!!!

Olá meninas..

Primeiramente,quero dar meus parabéns a Denise, que saiu da casa dos 70kg! Parabens amiga, vc é merecedora de cada 100g q vc eliminou! E com paciencia e disciplina, todas chegaremos lá!

Desejo também toda a sorte do mundo pra Isabelle que está iniciando uma nova fase em sua vida, está se mudando!

Quanto a mim, estou feliz..Gradualmente estou consolidando algumas mudanças e isso tá me fazendo muito bem...quase 03 meses sem refrigerante, nem os light (cortei por conta do excesso de sódio q faz com q eu inche muito),  nem no carnaval eu pisei na bola. O resultado? Esse mês, pela primeira vez em muito tempo, estou entrando “naqueles dias”sem aquela sensação de inchaço...nada de peso nas pernas,nos seios..nem o mau humor de todo mês deu sinal de vida se a TPM passou, eu nao vi! Quer coisa melhor?

Mais...Eliminei a cafeína e hoje eu durmo muito bem,todas as noites. O estimulante que eu mantive é o chocolate, mas aí né gente...rsrsrs

Mas ainda tenho algumas coisas a mudar, tipo:
1) Ontem eu jantei no Nova América com a Jaque..não queríamos lanchar optamos por jantar. Escolhi legumes cozidos(cenoura,beterraba,brócolis), um pouco de nhoque e um frango, Podia ter parado por aí né? Mas fui la e peguei mais umas coisinhas. Ficou um pratão que só vendo. Desnecessário, reconheço.


2) Hj almocei no spoletto, voltando do curso. Pedi um ravioli c/mussarella de bufala, molho funghi c/ alho, beringela, brocolis, frango, queijo..etc.. Outro dia almocei no spoletto c/ a Jaque esse mesmo prato e comentamos que era muita comida..Mas a cabeca de gordo pensa: Mas será que o bambini vai me sustentar? Vou experimentar, da próxima vez q for lá, pra saber.

3) Pra jantar, fiz um sanduba aberto, no forno: pão árabe, molho de tomate c/beringela(eu AMO Beringela!) queijo branco e orégano a vontade..Sempre faço 02 sandubas. Hj pensei, poxa, preciso mesmo fazer 02? Fiz apenas 01. Jantei e fiquei satisfeita!

Isso só serve pra me mostrar que muitas coisas são meramente hábitos, basta tomar a iniciativa de fazer diferente. Não ter medo de experimentar, não ter medo de conseguir!! Ainda tenho um caminho razoável pela frente, mas o importante é que cada hábito consolidado, é difícil de ser mudado. Se é assim com o que nos faz mal, também é assim com o que faz bem ao corpo e à mente. É preciso que sejamos honestas conosco, nao apenas pra se depreciar , exaltar os nossos erros, mas para analisá-los com carinho e ver o porquê deles e como podemos melhorá-los. E assim, caminhando sem pressa, mas com consciência, e transformando hábitos, chegaremos na nossa meta!

Beijos meninas, que todas tenham um excelente final de semana!


 

:: Postado por Cacau às 23h02
::
:: Enviar esta mensagem

Ola meninas, achei esse artigo interessantissimo na Internet e gostaria de compartilhar com vcs. Bjs

Sou mais EU! por Fernando Puga

Ela tem 1,77m, 59Kg, a pele alva, os cabelos loiros lisíssimos, corpinho esculpido na academia e vive num espaço um pouco incômodo: o imaginário feminino. Estamos falando da mulher-padrão, aquela cuja imagem é difundida como ideal nas capas de revista, nos comerciais de iogurte que facilitam o trânsito intestinal, nos filmes de Hollywood, nas passarelas de moda. Para onde quer que a gente olhe, ela está lá, fazendo questão de mostrar o quanto é mais bonita e realizada com o espelho do que as meras mortais, mas que não se chateia em absoluto se for copiada. Pelo contrário, para ela é até bom que se proceda assim. Mas, e para as mulheres do mundo real que não tiveram a "bênção" de nascer moldadas por esse nosso volúvel padrão de beleza? Para muitas, essa relação é uma infernal corrida de gatas e ratas. Mas, para outras, não se trata de uma convivência incômoda. É, na verdade, uma chance de reafirmar a diversidade e mostrar que a beleza está em todo lugar.

Ana Cláudia Torreano tem 29 anos, é pediatra, mora sozinha num simpático apartamento próprio na zona sul do Rio e terminou com o namorado de três anos e meio um pouco antes do último Natal. Sabe por quê? Ciúmes dele. "Ele tinha muita insegurança, achava que os homens eram loucos por mim, que me olhavam nos lugares, que me abordavam. Nunca o traí, sempre fiz questão de deixar bem claro que ele era único na minha vida. Mas ele vivia dizendo que sofria muito por namorar mulher bonita", conta. Mas antes que se imagine uma Gisele Bündchen examinando nenéns e causando torcicolo em marmanjos, é bom dizer que Ana Cláudia mede 1,75m e pesa 74Kg. "Não existo magra, não é meu biotipo. E não me acho feia, absolutamente. Sou bem cuidada, faço natação e caminhada, estou sempre cheirosa e adoro me vestir bem. Sou terrivelmente vaidosa", conta ela. Os amigos são unânimes em reconhecer o sex-appeal da moça. "Ela chega nos lugares e arrasa. Sei de muito homem que trocaria três modeletes por uma Ana Cláudia", entrega uma colega de ambulatório.

Nossa pediatra confirma que nunca teve mesmo problema com os homens e muito menos com o espelho. "Acho que isso vem da minha mãe, que tem o corpo igual ao meu. Ela estava sempre linda, se arrumando, se enfeitando, com gosto de ver no espelho. Nem na adolescência tive problemas. Via meninas gordinhas da minha idade com a vida social e a auto-estima arrasadas, enquanto muitos meninos vinham atrás de mim. A diferença é que já tinha satisfação com a minha imagem, eu já era o que eu queria ser", lembra. Para Ana, a criação e a difusão de padrões de beleza fazem parte da nossa sociedade de consumo. Cabe a nós não deixar que eles nos oprimam. "Não somos todas bonecas Barbie que saímos da fábrica todas iguais. Pelo menos, não ainda", preocupa-se ela.

Outra que aposta no diferencial natural da sua beleza é a professora Kátia Alencar. Sua exuberante e sensual cabeleira crespa desfila com o orgulho de quem nunca foi apresentada a chapinhas, formóis e escovas. É a sua marca registrada. "Vejo as mulheres escravas do alisamento, fazendo sacrilégios e forçando barras por algo que já transcende o gosto pessoal, virou falta de personalidade. É baixar a cabeça para algo que a gente não sabe nem se fica bonito", diz ela. Adepta de faixas, prendedores e outros mil enfeites, Kátia ressalta as qualidades estéticas herdadas nos genes. "Acho meus caracóis muito mais versáteis que aqueles lisos de boneca. Posso prender de vários jeitos, inventar coisas. Fora que combinam comigo, com a minha pele, com meu jeito. Eles não estão aí por acaso, a natureza é sábia e entende tudo de estética", afirma ela.

Conhecer a si mesmo é, ao que tudo indica, o caminho certo para gostar do que se vê e, assim, descobrir a própria beleza. A cosmetóloga Sonia Corazza diz, em seu livro "Beleza Inteligente" (Editora Madras, 2001), que aqueles que se julgam melhores por terem, teoricamente, a imagem eleita da beleza estão agarradas a um conceito passageiro, pois juventude e carinha bonita não são valores perenes. "É só olhando para nós mesmas com atenção, procurando conhecer mais sobre a nossa pele, cabelo e corpo, que poderemos explorar o melhor em cada uma, perpetuando esta nossa beleza, tão individual, como uma impressão digital", comenta. O que não quer dizer que o ideal seja se entregar à ação da natureza. "Se os cuidados diários com a saúde e a adoção de uma rotina de vida e trato pessoal não forem adotados, essa compreensão não existe", garante.

Neste começo de século, a opinião pública parece ensaiar um amadurecimento destes conceitos. Prova disso é a crescente tendência de valorização da beleza "real" da mulher nas campanhas de publicidade. A gerente de marketing Patrícia Aversi, da marca de cosméticos e higiene pessoal Dove, que aposta na estratégia, conta que uma pesquisa realizada pela empresa em 2004 com 3.200 mulheres de dez países trouxeram dados alarmantes sobre a auto-imagem feminina. "Um deles assusta, apenas 2% das mulheres nestes países se consideravam belas. Os números foram decisivos para aprofundarmos o nosso trabalho no sentido de valorização da beleza de cada mulher", diz ela. Para Patrícia, iniciativas públicas com esse objetivo podem fazer com que novas gerações cresçam com uma visão diferente da beleza, chegando à idade adulta mais satisfeitas com o espelho.

Quanto maior e menos flexível o ideal de beleza, maior o número de frustrações e maior a possibilidade da auto-estima cair por terra. E sabemos que, sem ela, tudo fica muito difícil. "A massificação da supermulher bonita faz com que a mulher 'normal' se reduza em relação a esse mito. Então, esse tipo de sugestão psicológica pode se tornar um perigo se a mulher aceitá-la e resolver ser igual a uma outra mulher", garante o psicólogo Marcio Rocha. O segredo para encontrar o próprio padrão de beleza é respeitar e valorizar as suas diferenças. Assim, elas ficam bem perto de serem sinônimos de qualidade.

:: Postado por Cacau às 19h15
::
:: Enviar esta mensagem

Yuhuuuuuuu !!

Bom dia Meninas!

Passei rapidim porque preciso contar uma coisa..

Me pesei hoje de manhã e a balança mostrou... 84,2kg!!!

Não acreditei, subi mais umas 05 vezes na Plenna e ela não vacilou..é isso mesmo!

Yuuuuuuuuupiiiiiiiiiiiiii

Bjs

:: Postado por Cacau às 09h24
::
:: Enviar esta mensagem

Carnaval …

Acabou gente... esse carnaval não foi igual àqueles que passaram!

 

Primeiro, foi o primeiro carnaval em que eu tinha uma merreca pra fazer o que eu quisesse... nao viajei porque não quis, não por falta de grana. Isso é importantíssimo pra mim que só vivia no sufoco, aprendi mesmo a controlar melhor minhas despesas! Ponto pra mim!!!

Fui muito à praia, tive a companhia da Beth e do Vicente, casal tudo-de-bom gente! Adoro estar com eles!Pulei em blocos de rua, caminhei, brinquei, me diverti, livre, leve e solta no primeiro carnaval solteira desde 2002. Ontem desci em Copacabana e fui caminhando, descompromissadamente, do Copacabana Palace até o Posto 9 em Ipanema. Curtindo a paisagem, cantando, esvaziando a mente. Pra relaxar mesmo!

E o mais legal...esse foi o primeiro carnaval em muito tempo,  em que eu NAO ENGORDEI! Fui me pesar hoje e vi que meu peso é O MESMO de antes do carnaval! 84,8Kg!

Ainda estou em casa, só volto ao escritório amanhã, mas hoje optei por ficar em casa e resolver algumas coisas. Fui ao Barrashopping hj cedo fazer um hemograma, o ultimo q faltava dos que a médica solicitou. O dia D pra fazer era hoje, liguei pra vários laboratórios e achei o SERGIO FRANCO da Barra aberto. Corri pra lá. Dia 07 vou levar os exames para ela.

Como o shopping só abria ao meio dia e não tava a fim de ficar lá esperando, peguei um ônibus e fui almoar no Bom Galeto, no Méier. Cheguei lá e pedi um peito de frango grelhado com arroz e fritas. Depois pensei  e mudei o pedido, troquei as fritas por uma salada de alface e tomate. Recusei a sobremesa. Almocei e saí de lá muito orgulhosa de mim mesma!! E pretendo me manter orgulhosa de mim o resto do dia. Um dia de cada vez. Certo?

Beijos a todas, que possam regressar do seu carnaval com muitas coisas boas pra recordar!

 

 

Bjs

:: Postado por Cacau às 18h11
::
:: Enviar esta mensagem

Olá meninas..

Espero que o carnaval de vcs esteja sendo maravilhoso...tenho me divertido, fui a praia, fui a blocos, tudo bem.

Ando desanimada, não apenas com o processo de emagrecimento, mas com algumas coisas que estão acontecendo, ou não estão acontecendo na minha vida. Estou buscando entender minhas reações, ou a falta de reações minhas, estou buscando alguns "porquês" e "comos".

Na falta de inspiração pra escrever, achei esse artigo muito legal no cyberdiet sobre AUTOCONHECIMENTO, espero que vcs gostem.

Beijos

Cacau

**********************************************************************************

A importância do autoconhecimento
 
A auto-estima oscila de acordo com as situações e principalmente em como nos sentimos em relação a cada um delas. Mas o que faz com que algumas pessoas sejam mais seguras de si, mais estáveis emocionalmente enquanto outras se perdem, se desesperam quando algo acontece? O diferencial que faz com que cada um consiga ter controle sob suas emoções é o autoconhecimento.

O quanto você se conhece? Muito? Pouco? A maior parte das pessoas acredita que se conhece, mas na verdade se conhece muito pouco. Você ama alguém, confia em alguém que pouco conhece? Geralmente amamos e confiamos
   
apenas em quem conhecemos muito! E se você não se conhece como quer acreditar mais em sua própria capacidade? Como quer ir em busca de seus sonhos se não acredita ser capaz? E por que não acredita ser capaz? Porque não sabe quem você é.
Por isso, o autoconhecimento é fundamental para desenvolver o amor por si mesma e fortalecer a auto-estima. É muito difícil alguém se conhecer interiormente quando a busca está sempre no externo. Buscam cuidar da pele, mudar o corte do cabelo, comprar roupas, carros, eliminar alguns quilinhos, mas quase sempre esquecem que o caminho deve ser o contrário, de dentro para fora.

Quando uma pessoa está bem com ela mesma você percebe isso não pela roupa que está usando, ou o carro que está dirigindo, mas pelo brilho em seu olhar, o sorriso em seu rosto, a paz em seu espírito. Como alguém que dorme mal toda noite pode sentir paz? Como alguém que está constantemente se criticando, se culpando, se achando errada, pode se amar? Amar-se é condição básica para elevar a auto-estima. É importante identificar os fatores que estão te impedindo de elevar sua auto-estima.

O autoconhecimento é fundamental para desenvolver o amor por si mesma e fortalecer a
auto-estima.
 Podemos perceber que a auto-estima está baixa quando desenvolvemos algumas características como: insegurança, inadequação, perfeccionismo, dúvidas constantes, incerteza do que se é, sentimento vago de não ser capaz, de não conseguir realizar nada, não se permitindo errar e com muita necessidade de agradar, ser aprovada, reconhecida pelo que faz e nem sempre pelo que é. 

Se você identificou algumas dessas características, pode ser que esteja precisando aumentar seu autoconhecimento para assim elevar sua auto-estima.

Se quiser, poderá fazer o seguinte exercício:

- Escreva dez coisas que você gosta em si mesma.
- Depois escreva dez coisas que você não gosta em si mesma ou que gostaria de mudar.
- Qual lista foi mais fácil de completar?

A maioria das pessoas sente mais facilidade em identificar as coisas negativas. Aprendemos que dizer aquilo que gostamos em nós mesmas poderá ser rotulado de presunção, esnobismo, egocentrismo. Nada disso! Para aumentar o autoconhecimento é preciso ter consciência de quem se é de verdade, avaliando os pontos positivos tanto quanto os negativos, pois só assim será capaz de mudar aquilo que te incomoda ou te faz sofrer e valorizar o que tem de bom e que geralmente mergulhada em tantas críticas e cobranças, acaba por esquecer.

Continue o exercício:

- Observe as listas. Coloque um “i” nas características internas, ou seja, que dependam apenas de você reconhecê-las. E um “e” nas características externas, que dependam da opinião de outras pessoas.
- Ao fazer o sinal (i ou e), o que você percebe? Há um equilíbrio entre eles ou você tende mais para um lado?

Se você tem mais características externas ficará mais vulnerável à opinião dos outros e assim, mais facilmente manipulável. Dependerá cada vez mais de aprovação, mas infelizmente nunca da sua própria. Isso quer dizer que toda vez que algo que dependa no mundo externo ou de outras pessoas não correspondam a sua expectativa, você se sentirá frustrada e sua auto-estima tenderá a baixar.

Seu valor estará sempre na dependência do que dirão sobre você, não importando muito sua própria opinião. Por exemplo, quando você perde o emprego, quando recebe uma crítica, quando alguém se distancia de você. Tudo isso pode baixar sua auto-estima e se sentirá incapaz de continuar e desistirá no meio do caminho. Abandona assim seus sonhos, seus objetivos.

Para aumentar o autoconhecimento é preciso ter consciência de quem se é de verdade, avaliando os pontos positivos tanto quanto os negativos.
 Isso acontece quando a principal fonte de auto-estima está naquilo que faz pelo externo, sempre querendo fazer algo para as pessoas em busca de aprovação e reconhecimento. E esse é o caminho mais curto para se machucar. Coloca assim todo seu valor nas opiniões ou respostas no mundo externo e, como quase sempre nada disso corresponde ao que espera, e nem ao que você é realmente, se permite depender cada vez mais de como te avaliam, gerando um círculo vicioso. 

O importante é desenvolver a capacidade e ter a consciência de saber que o que faz é o reflexo de quem você é. Ao reconhecer seus pontos negativos, poderá mudar um por um. E reconhecendo seus pontos positivos se sentirá mais confiante em sua capacidade de conseguir o que quer que deseje, independente das críticas ou opiniões que terão sobre você, pois acredita ser capaz de conseguir tudo o que deseja! E ainda que ninguém te aprove, você terá autoconhecimento suficiente para você mesma se aprovar e principalmente se amar!
 

 

:: Postado por Cacau às 23h29
::
:: Enviar esta mensagem

Nome:Cacauzinha
Image Hosted by ImageShack.us Idade:34 aninhos
MSN:claudialuizsilva@ig.com.br
Cidade:Rio de Janeiro
Amo: MPB, Black Music, filmes, viagens,gente interessante, vinho, Denzel Washington, Will Smith, Rocco Pitanga, Seriados da Warner, praia, chocolate, Agua de Coco, etc etc etc
Odeio:Mentiras, sacanagens, falsidade, desonestidade, gente futil, invejosa, mesquinha e coisas que nao me acrescentem nada de bom nessa vida.Ah, tambem nao suporto Jiloh!! rsrsr
Minha Historia:Sou carioca, tenho 34 anos, sou separada, canceriana,flamenguista e trabalho atualmente como Gerente de Servicos em uma provedora de Telecomunicacoes e TI voltada para as empresas do setor aereo. Fui uma criança magra, cuja mãe deu litros de PERIATIM, BUCLINA, COMBIRON e todos aqueles anabolizantes infantis que as mães nos davam pra nos ver com aquela bochecha de comercial de neston - na década de 70, criança bochechudinha era sinal de saude e magreza era motivo de preocupação. So comecei a engordar no início na adolescência e desde então venho brigando com a balanca. Hoje vejo que em muitas fases da minha vida, a partir da adolescencia, tentava alcancar padroes de beleza que nada tinham a ver comigo, fui magra e nao sabia, por que a a maior parte do tempo sempre me achei gorda! Hoje ESTOU obesa de verdade e sei disso...Vinha há anos me equilibrando no sobrepeso, em torno de 76kg, mas depois de um casamento de 03 anos que não terminou nada bem, disparei e cheguei a 89kg. Hoje estou com 87,0kg para 1,62m e minha meta é chegar aos 70kg. Para isso faco reeducacao alimentar com orientação de uma endocrinologista que visito a cada 30 dias. Comecei a tomar sibutramina em junho, mas já parei porque honestamente não vi nenhum resultado tão estupendo que justificasse o custo do remédio. No momento não estou fazendo atividade física mas pretendo recomeçar em dezembro, quando concluir a universidade.Tenho um biotipo ginóide, tenho quadril largo, bunda grande, coxas grossas, e não há como fugir do biotipo. Gosto do meu corpo, só quero sair do GG apertado para o M sem stretch(rsrsrsrs). E a atividade fisica regular é fundamental pra isso. O que aprendi, depois de dezenas de medicos, regimes, chas, formulas, shakes e tudo o mais que se possa imaginar,de tudo que acertei e errei ao longo da vida, que para vencer a balanca eh preciso antes FAZER AS PAZES com ela - eh preciso que nos aceitemos, do jeito que somos e nos amemos incondicionalmente. E a partir dai, buscar o melhor. Acredito que não somos tristes por que estamos gordas - eh o contrário. O que fazemos com o nosso corpo é um retrato do que já passamos na vida, de coisas ao nosso redor que nos entristecem, nos afligem e por não sabermos, ou não termos coragem de reagir, descontamos na comida, usando-a como companhia e consolo, diversao, etc. Para mim, EMAGRECER EH A CONSEQUENCIA DE ESTARMOS DE BEM COM NOSSA PROPRIA IMAGEM. Nao importa o que a balanca nos mostre - todas nos somos lindas, inteligentes, e dignas de sermos felizes, admiradas, respeitadas e amadas, por nos mesmas e pelas pessoas ao nosso redor. Somente quando nos amamos e nos consideramos merecedoras do que ha de melhor na vida, paramos de nos agredir e passamos a fazer o melhor por nos mesmas e isso inclui o nosso corpo. Já conquistei muitas coisas nessa vida e tenho muito mais a conquistar..e sei que conquistar a posse do meu corpo, e modela-lo para que fique do jeito que eu quero, é uma das mais importantes. Mas sou feliz, e com 70kg serei feliz..e MAIS MAGRA.rsrsrs Espero poder compartilhar experiencias com vcs, falar do que tentei e deu certo, ou não deu...e tornar essa caminhada rumo ao corpo saudável um caminho longo, porem prazeroso.. E SEM VOLTA!

  • Minha trajetória
  • Data Peso IMC Falta
     10-jun-06  89,400  34,06  19,400
     17-jun-06  86,800  33,07  16,800
     29-jul-06  87,000  33,15  17,000
     5-aug-06  87,000  33,15  17,000
     12-aug-06  88,000  33,53  18,000
     19-aug-06  88,000  33,53  18,000
     25-aug-06  86,800  33,07  16,800
     01-sep-06  87,300    17,300
     09-sep-06      
     16-sep-06      
     23-sep-06      
     30-sep-06      


    Meu Humor

    Links

    :: Meu BLOG Pessoal
    :: MEU FOTOLOG!!!
    :: Meu antigo blog no MSN
    :: Cyberdiet
    :: BOLSA DE MULHER
    :: CONGELADOS DA SONIA
    :: Regularizador Intestinal
    :: Mudanca de Hábito
    :: Prato Feito
    :: Vai dar Certo
    :: Beth A CONQUISTA
    :: Emagrecendo com BLOG (Margareth)
    :: Segunda-Feira (Luana)
    :: Sessenta e Cinco (Valeria)
    :: Renascer(Thuca)
    :: Czinha x Balança
    :: Tirando Kilos (Isa)
    :: Emagrecendo com Estilo (Luciana)
    :: Começando a Brilhar (Claudia)
    :: Metamorphasis
    :: Emagrecendo mais uma vez
    :: Emagrecendu (Denise)
    :: Duas de Dieta (Marcelle e Isabelle)
    :: Diet History (Andreia)
    :: Meu diario rumo aos 66kg (Clarinha)
    :: Retrato de Mulher (Cristina)
    :: SPA Maria Bonita
    :: Dieta & Saúde
    :: Revista Dieta Já
    :: Diario de uma Neurotica
    :: Historia de uma gata(Cacau)
    :: Ainda chego lá (Juliana)
    :: Meu BLOG (Claudia)
    :: Stilo de vida (Márcia)
    :: Agora Vai (Ana)
    :: Proximo Capitulo (Denise)
    :: Magrinha em 2006 (Lilith)
    :: Meu Emagrecimento (Sara)
    :: Longe das Calorias (Luciana)
    :: Ver o Peso (Euler da Clarice)
    :: Eu vou vencer (Janaina)
    :: Ninimagra(Nilva)
    :: SPA Alquimia
    :: Quero ser magra
    :: Companhia Para Crescer
    :: Eu mereco mais (Jaqueline)
    :: Tenho q me superar (Adry Freire)
    :: Sim eu posso (Barbara)
    :: Emagrecendo realmente (Ana Cunha)
    :: Nao eh tarde demais (Lucia)
    :: Dieta eterna (Carol)
    :: Eu emagreci (Lu Francesa)
    :: XENICAL - ROCHE
    :: Projeto Emagrecer (Rê)
    :: Didi no BLOG
    :: Paty
    :: Leo Paixao
    :: Ellen Emagrecendo
    :: Annellisena
    :: Gizela Perdendo Peso
    :: Sem açucar, mais feliz!!! Bia
    :: Lutando Diariamente (Rosi)
    :: Esbelta e Mais feliz! (Diva)
    :: Tchau Gordura(Marcelle)
    :: Lili quer saúde
    :: Diario Light (Elaine)
    :: Alegre Vigilante
    :: Blog Light da Lalá (Alaide)
    :: Virando a mesa (Lane)
    :: Katia Magra
    :: So mais um dia (Andressa)
    :: Diario de Luciana
    :: DESAFIO DE NATAL 2006
    :: Continuo Aqui (Tathy)
    :: Less Fat more me (Veronica)
    :: Blogdietando (Juju)
    :: Em busca da Sensualidade Perdida (Fabiola)
    :: Diário da Bi
    :: Val Pasqual
    :: Controlando Calorias (Cris Melo)
    :: Luciana Moura
    :: Virando Borboleta (Lu)
    :: Luciana Alemanha
    :: Quero perder 48kgs
    :: Rumo 70 (Marilia "Vitoria")
    :: Diario Emagrecimento (Renata Manuela)
    :: Perfect Body (Laura)
    :: Emagrecendo Aline
    :: Blog da Neidinha
    :: Lia Santis
    :: Thais

    Votação

    Dê uma nota para meu blog

    ..:: INDIQUE ESSE BLOG ::..

    12/11/2006 a 18/11/2006

    05/11/2006 a 11/11/2006

    29/10/2006 a 04/11/2006

    22/10/2006 a 28/10/2006

    15/10/2006 a 21/10/2006

    08/10/2006 a 14/10/2006

    01/10/2006 a 07/10/2006

    24/09/2006 a 30/09/2006

    17/09/2006 a 23/09/2006

    10/09/2006 a 16/09/2006

    03/09/2006 a 09/09/2006

    27/08/2006 a 02/09/2006

    20/08/2006 a 26/08/2006

    13/08/2006 a 19/08/2006

    06/08/2006 a 12/08/2006

    30/07/2006 a 05/08/2006

    23/07/2006 a 29/07/2006

    02/07/2006 a 08/07/2006

    18/06/2006 a 24/06/2006

    28/05/2006 a 03/06/2006

    07/05/2006 a 13/05/2006

    16/04/2006 a 22/04/2006

    02/04/2006 a 08/04/2006

    26/03/2006 a 01/04/2006

    19/03/2006 a 25/03/2006

    05/03/2006 a 11/03/2006

    26/02/2006 a 04/03/2006

    19/02/2006 a 25/02/2006

    12/02/2006 a 18/02/2006

    05/02/2006 a 11/02/2006

    29/01/2006 a 04/02/2006

    22/01/2006 a 28/01/2006

    15/01/2006 a 21/01/2006

    08/01/2006 a 14/01/2006

    01/01/2006 a 07/01/2006

    25/12/2005 a 31/12/2005

    18/12/2005 a 24/12/2005

    11/12/2005 a 17/12/2005

    04/12/2005 a 10/12/2005

    20/11/2005 a 26/11/2005

    13/11/2005 a 19/11/2005

    06/11/2005 a 12/11/2005

    30/10/2005 a 05/11/2005

    23/10/2005 a 29/10/2005

    16/10/2005 a 22/10/2005

    09/10/2005 a 15/10/2005

    02/10/2005 a 08/10/2005

    25/09/2005 a 01/10/2005

    18/09/2005 a 24/09/2005

    11/09/2005 a 17/09/2005

    Visitas

    Créditos

    Layout por

    ..:: Carmem Design ::..
    Todos os direitos reservados ©

    ..:: Carmem Design  ::..